CÓDIGO DE ÉTICA INATHU

1. Após se descobrir, perceba que essas informações são preliminares sobre o vasto comportamento humano que se encontra na natureza.

2. Desenvolva a compreensão, aceitação e compaixão pelas diferenças entre as pessoas, seus comportamentos e sua maneira de perceber o mundo.

3. Não padronize ou tipifique, rotulando os GNIs (Grupos Naturais de Inteligências) e os comportamentos, pois, mesmo as pessoas pertencentes ao mesmo Grupo Natural de Inteligência, somos todos diferentes em nossas buscas, experiênia e cultura, oq ue nos faz ímpar.

4. Tenha muito cuidado em tentar identificar as pessoas, seja no âmbito familiar, pessoal ou profissional, pois, dependento do modo que serão abordadas, poderão sentir-se invadidas e rotuladas.

5. Apontar e identificar um Grupo Natural de Inteligência requer bastante conhecimento e habilidade, do contrário pode-se ter prejuízos como: incompreensão, preconceito com essa Descoberta, além de ser falta de ética e respeito ao próximo.

6. Quando uma pessoa de outro GNI reagir de forma negativa ou descontrolada, não tente ser o dono da razão, uma vez que agora você sabe que também nutre habilidades e inabilidades (virtudes e defeitos).

7. Antes de julgar o comportamento ou personalidade de outro Grupo, olhe para dentro de VOCÊ mesmo (a) e não esqueça que não existe um GNI melhor ou pior do que o outro.

8. A Descoberta INATHU (Inteligências Naturais Humanas) não é um jogo de psicologia "pop", nem um sistema fechado. Portanto, não tente engessá-lo e aplicá-lo de maneira a manipular quem quer que seja.

9. A melhor maneira de fazer bom uso dessa Descoberta, é o aprimoramento contínuo para que se possa obter resultados mais duradouros, seja em sua vida pessoal ou profissional.

ESSE CÓDIGO CONTÉM UM RESUMO DA POSTRA E DO USO DESSA DESCOBERTA E DO CONHECIMENTO APLICADO.

PORTANTO, O USO E AS AÇÕES CONTRÁRIAS AO MESMO, NÃO SÃO DA RESPONSABILIDADE DO INATHU.

INATHU - R. Pastor Faulhaber, 41

Bairro Velha, Blumenau/SC - CEP: 89036-166