Posts Em Destaque

EQUILIBRANDO AS INABILIDADES NESTE MOMENTO DE CRISE


Todos estamos acostumados aos termos: virtudes e defeitos. Quantas vezes você já foi julgado pelos seus “defeitos”?

Muitas com certeza.

Nós do INATHU usamos os termos habilidades e inabilidades. Pois elas são características naturais e fazem parte do nosso ser, mas elas diferem de indivíduo para indivíduo, conforme a base de inteligência a qual estamos inseridos.

Equilibrar a balança entre nossas habilidades e inabilidades não é tarefa fácil.

Mas é possível.

E necessário, ainda mais agora, diante de tantos desafios e incertezas pelas quais todos nós estamos passando neste momento. É até uma questão de sobrevivência e de mantermos nossa saúde mental e física.

Na verdade, o ideal é sempre focarmos em nossas habilidades naturais, para podermos utilizar melhor nosso potencial natural. Mas no fundo são nossas inabilidades que nos fazem nos sentir fora do eixo, desequilibrados e até mesmo desmotivados.

E essas inabilidades diferem entre as pessoas de acordo com cada BNI (Base Natural de Inteligência). Veja a seguir:

Base Natural de Inteligência ATIVA (apenas algumas delas):

  • Ansiedade (o excesso da ansiedade é um problema. A ansiedade em si não é problema, pois é o motivador para agirmos e evoluirmos);

  • Irritação (com a falta de ação, resposta e iniciativa dos outros);

  • Precipitação (falar o que pensa sem ter filtrado antes);

  • Impulsividade.

Base Natural de inteligência RACIONAL:

  • Frieza e insensibilidade (não se importar tanto com o sentimento alheio e ver as coisas de maneira lógica);

  • Não ter paciência com emoções negativas;

  • Ser pressionado;

  • Não ter metas e resultados.

E a Base Natural de Inteligência EMOCIONAL:

  • Incapacidade de racionalizar e agir diante dos acontecimentos negativos;

  • Lidar com situações ou pessoas frias;

  • Sentir medos “irreais”;

  • Ser ignorado ou rejeitado;

  • Dificuldade em sair da zona de ressentimentos;

  • Não ser útil para os outros.

Quando nossas inabilidades começam a afetar nosso sono, nossa saúde e deixamos de viver em paz, aí a coisa começa a ficar séria. Pode advir muitos sofrimentos, dor, inseguranças, atrapalhar relacionamentos; criar inimizades, perder o emprego, e por aí vai.

Seu Grupo Natural de Inteligência (GNI) traz muitas habilidades que são fundamentais para você poder se dar bem na vida pessoal e profissional. Todos sem exceção temos habilidades e inabilidades.

Tomemos o exemplo do Grupo Natural de Inteligência (GNI) intitulado Fazedor: as pessoas que fazem parte desse GNI têm muitas habilidades, dentre elas: enorme senso de justiça; serem resolutas; organizadas; cumpridoras dos seus deveres; ter mega iniciativa, dentre tantas outras.

E nas inabilidades vai ter: precipitação ao querer resolver tudo; não conseguir esperar; incapacidade de ficar paradas; lidar com a falta de objetividade.

Como equilibrar isto?

Primeiramente se conhecendo de verdade e depois sabendo que há muitas coisas que o estressam.

E assim ter discernimento para poder parar, quando se perceber fora do controle e entender o gatilho que o levou a ficar desequilibrado.

Para as pessoas do GNI Fazedor vale a dica: não ser tão enérgico em relação a vida e aos outros; ter tempo também para o lazer além dos seus afazeres; entender que todos somos diferentes e por conta disto não esperar que todos ajam de maneira igual.

Agora exemplificando o que ocorre com o GNI Continuador Emocional. Ele tem habilidades como: perceber o que está certo ou errado; ajudar o grupo; senso de responsabilidade e de executar bem feito; não querer machucar e magoar ninguém; buscar acima de tudo segurança em tudo o que faz.

Já nas inabilidades sofre com: insegurança quando não compreende exatamente o que está ocorrendo; ficar ressentido com algumas atitudes dos outros; não conseguir ser rejeitado; exagera ao ponto de ser chamado de sentimental.

Aos Continuadores emocionais cabem as dicas: Tente ver a vida de maneira mais positiva; sem achar que tudo pode acabar mal; se dê a chance também de se alegrar com pequenas conquistas e acreditar que as pessoas podem te surpreender positivamente.

E você, como está se sentindo neste momento?

Com receios/medos?

Pintando a pior das situações?

Estourando com todos que chegam perto de você?

Cabem aqui duas dicas fundamentais:

A primeira: o mundo inteiro está passando pelo mesmo que você, então não se desespere, procure se cuidar e cuidar dos outros; tire lições destes momentos ruins e transforme-se. E não se balize pelo ponto de vista de outras pessoas. Tenha o seu próprio ponto de vista.

E a segunda: este é o melhor momento para que você busque o autoconhecimento e aprenda mais sobre você mesmo. Assim você terá mais recursos em mãos para promover sua evolução.

Se conhecer de verdade é fundamental para saber como se equilibrar.

Participe de nossos cursos e aprenda mais sobre VOCÊ MESMO!

www.inathuead.com.br

Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

INATHU - R. Pastor Faulhaber, 41

Bairro Velha, Blumenau/SC - CEP: 89036-166