Posts Em Destaque

O quanto SE CONHECER impacta na sua vida?

Qualquer mudança ou melhoria que venhamos a fazer, seja num local, num objeto, num veículo, nos exige conhecer cada parte dele. Sem isso, não temos como saber o que precisa ser melhorado. Saber que está tudo bem, tudo no lugar certo, também nos traz uma certa tranquilidade.


É com essa analogia que começamos o texto de hoje.

Podemos usá-la para entender a importância de sabermos de nós mesmos.


O quanto você se conhece?

Consegue reconhecer suas habilidades e características a melhorar?


Aqui não estamos falando apenas de reconhecer falhas ou de um conhecimento mais ou menos sobre você. Estamos falando sobre a natureza de cada pessoa, de um saber aprofundado e real.


Se você acha que perfeccionismo, ansiedade, responsabilidade, podem definir algumas pessoas, saiba que aqui vamos muito mais a fundo!

E esses são apenas 3 exemplos bem simples. Ser perfeccionista não é um defeito, é uma característica; ansiedade é uma mola que impulsiona pessoas a conquistar, a resolver, a alcançar; e responsabilidade, vem com a maturidade, não importa de qual GNI (Grupo Natural de Inteligência) você faça parte.


As características naturais verdadeiras em cada pessoa, são as que formam a personalidade de cada uma e as fazem ser quem são, as fazem ter "estas" reações ao invés "daquelas", as que explicam o seu funcionamento - seja na vida pessoal ou profissional.


Quem não gostaria de ter um manual do ser humano?

Já imaginou?

Um mundo onde as pessoas conhecem os mecanismos de ser das outras. Saber lidar com o ser humano, evitar dizer ou fazer coisas que sabemos que as desagradarão, trabalhar com o que você realmente nasceu pra fazer, se relacionar com mais harmonia, fazer escolhas mais condizentes consigo mesmo (a)... e por aí vai! São tantas coisas que melhorariam, que um único texto não conseguiria expressar todas elas. Mas resumindo: as pessoas saberiam reconhecer melhor seus próprios sentimentos, entenderiam as atitudes alheias. E conseguir fazer isso com conhecimento, é trazer mais paz e saúde mental.


Enfim. SE CONHECER exige investimento em si mesmo (a), não só em dinheiro, mas investimento de tempo e atenção. Prestar atenção em se perceber é mais difícil para alguns, mas é um esforço que TODOS precisam fazer. A descoberta das Inteligências Naturais Humanas tem as respostas para essas questões, trazendo as verdades que muitos ficam buscando toda uma vida. Mas também exige que nos permitamos nos preencher com esse conhecimento, e nos esforçamos para aceitar quem somos verdadeiramente.

Só assim pode-se encontrar a tranquilidade em saber que se está dando passos certos na caminhada evolutiva.


"Afinal, o sucesso — profissional ou pessoal — está condicionado às questões que você faz continuamente para si" (Mario Pinheiro - num artigo do Linkedin).

Você tem investido em si?

De que maneira?


Esses são questionamentos importantes para fazer em silêncio dentro de si mesmo (a).

Lembre-se de fazer essas reflexões.


E procure o Instituto de Evolução Humana, se você quer se conhecer de verdade!

Venha encontrar as respostas que procura.